Equipe da Vigilância Ambiental captura cerca de 250 escorpiões em ação no Cemitério Central

0
741

A Vigilância Ambiental, órgão que integra a Secretaria Municipal de Saúde, esteve no Cemitério Central, na noite de segunda-feira, 07, para o trabalho de captura de escorpiões. De acordo com o balanço da operação, foram recolhidos cerca de 250 exemplares do aracnídeo, já encaminhados à Fundação Ezequiel Dias – Funed – em Belo Horizonte. A instituição é especializada na pesquisa e produção de soro antiescorpiônico no Brasil. E, com a entrega dos artrópodes, destina ao Município o antídoto.

Escorpiões se alimentam de insetos, principalmente de baratas. Esses bichos, que podem sobreviver longos períodos sem comida e água, escondidos em lugares escuros e úmidos, atacam quando tocados ou comprimidos contra o corpo. Em Minas Gerais há duas espécies que podem causar acidentes graves: o amarelo (Tityusserrulatus) e o marrom (Tityusbahiensis). As pessoas que moram perto dos cemitérios, principalmente, devem ficar sempre atentas e, em caso de picada, procurar a unidade de saúde mais próxima.

Serviço

Paramais informações sobre formas de prevenção e procedimentos em casos de acidentes, a Secretaria de Saúde disponibiliza o telefone 3241-4999.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui