Mais de 17 mil veículos estão em situação irregular em Itaúna

0
430

Destes, 14 mil têm pendências no sistema nacional de trânsito

Dados divulgados pela Polícia Civil e pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais – Detran -, no início deste mês, apontam que mais de 17 mil veículos registrados na cidade estão transitando em situação irregular. Isso porque, dos 51 mil veículos aptos para serem licenciados, 17.238 ainda não realizaram o processo anual obrigatório.  

Os dados ainda revelaram que cerca de 14 mil destes veículos possuem pendências com o sistema nacional de trânsito, que vão desde a débitos por multas e seguros, placas antigas, taxa de licenciamento, erros cadastrais, impedimentos e até mesmo a falta do pagamento do imposto sobre a propriedade de veículos automotores terrestres – IPVA.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro – CTB -, para que o veículo esteja em dia para trafegar o motorista deverá efetuar a quitação de todos os débitos referentes ao IPVA, Seguro Obrigatório, licenciamento e multas. O CTB também estipula a pena de infração gravíssima para motoristas que forem pegos utilizando automóveis em condição irregular, podendo ser subtraído 7 pontos na CNH, além da multa de R$293,47 e remoção do veículo.

Motoristas que estejam em atraso com as taxas podem realizar o pagamento nas redes bancárias credenciadas ou, se preferirem, diretamente nos postos credenciados do Detran. 

Atraso na entrega das CNHs e documentação

Na última semana a reportagem do JORNAL S’PASSO recebeu algumas reclamações de motoristas informando sobre o atraso no envio das Carteiras Nacionais de Habilitação – CNH. Já na cidade vizinha, Divinópolis, há reclamações de que a documentação dos veículos não está sendo entregue.  O Detran informou ao S’PASSO que não consta registro de quaisquer problemas relacionados a confecção e expedição das CNHs. O órgão ainda ressaltou que o ocorrido pode ser um caso pontual e que os possíveis inconvenientes podem ter ocorrido por endereços desatualizados. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui