Blocos e departamento de cultura discutem Carnaval 2020

0
804

O resgate da tradição do carnaval de Itaúna começou há pouco tempo, mas a animação dos organizadores parece que nunca viveu um período de cinzas. Na semana passada, uma reunião do departamento de cultura com os responsáveis pelos blocos, já deu mostras de que em 2020, o carnaval virá com força total.

Segundo o Gerente superior de Cultura, Ilimane Lopes Cardoso, o Joe, a primeira reunião foi para dar início à organização da festa do próximo ano. “Discutimos os pontos positivos e negativos do desfile deste ano para fazer uma festa ainda mais tranquila, divertida e segura para os foliões em 2020.  Segundo Joe, os organizadores estão animados e a disposição da Prefeitura em ouvir todos para planejar melhor o Carnaval foi muito bem-vinda.

Segundo Manoel da Zinha, presidente do bloco “Deu no que deu”, a escola está em total sintonia com a administração municipal para fazer o que for de melhor para a festa. “Estamos muito animados e acredito que estas reuniões serão importantes para discutirmos pontos importantes que podem melhorar o Carnaval de Itaúna.

O irreverente bloco “Pau de Gaiola” também confirmou a presença no Carnaval 2020 e de acordo com o diretor da agramiação, Afonsinho Silva, o grupo irá festejar, como de costume, na Praça Lagoinha, em frente ao Sandoval, no dia 22 de fevereiro. “Iremos comemorar 39 anos de existência do Pau de Gaiola em 2020. Com certeza, os foliões itaunenses estarão lá na Praça da Lagoinha com toda alegria e nós estaremos relembrando estas quase quatro décadas de irreverência no desfile”, disse.

Um dos responsáveis pelo bloco “Zulus”, Flávio Alves, argumentou que os carnavalescos ainda estão discutindo a taxa de desfile cobrada pela prefeitura, além do formato tradicional proposto pela mesma. Entretanto, o músico explicou que caso cheguem a um acordo, o desfile do bloco está confirmado. “Nessa primeira reunião, a secretaria de cultura colocou uma série de ideias em discussão e nós fizemos as reivindicações. Um ponto já gerou polêmica que é o pagamento da taxa de desfile, mas com certeza acharemos um termo justo para todos, para que o desfile seja um sucesso”, salientou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui