Só Jesus na Câmara

0
705

A Câmara aprovou projeto de lei que altera o Regimento Interno e autoriza que no início de cada reunião seja rezado a oração do Pai Nosso. O projeto, de autoria do vereador Giordane Alberto, cita que ao início das reuniões plenárias, verificando-se a existência de quórum, o Presidente declarará aberta a reunião, convidando os demais vereadores para rezar a oração do Pai Nosso.

O vereador afirmou que apesar do Estado ser laico, o pedido se baseava no passado, quando, por anos a oração foi proferida antes do início dos trabalhos. Além de se mostrarem favoráveis à proposta, Gláucia Santiago e Antônio José de Faria Júnior, disseram que sentiam falta da oração. Coube à vereadora Otacília Barbosa, racionalizar a questão ao afirmar que “não adianta só rezar/orar e sim colocar em prática os ensinamentos cristãos”.

Sobre a oração

Márcia Cristina lembrou que quando foi proposto o novo Regimento que ela solicitou manter o Pai Nosso, mas foi dito que o Estado era laico.

“Que com a oração consigamos tirar a hipocrisia que está em algumas pessoas” afirmou Anselmo Fabiano, denominando o jogo político como um ‘jogo sujo’.

Lacimar Cezário ironizou posteriormente a aprovação. Segundo ele tem pessoas que usam de malícias para desrespeitar os vereadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui