MINERITA não será vendida e anuncia programa para destinação de rejeitos em 2020

0
1548

Começou a circular pela cidade boato de que a empresa de extração de minério de ferro, Minerita, estaria sendo negociada com um grupo alemão. A informação acabou sendo replicada por um veículo de comunicação.

Entretanto, em contato com o JORNAL S’PASSO, a empresa afirmou que a informação é falsa. De acordo com a nota publicada pela Minerita, não existe nenhuma tentativa formal ou informal de negociação entre as empresas citadas. “Os acionistas da MINERITA, liderados por seu presidente, Dilson Fonseca, afirmam que seguem no firme propósito de desenvolvimento e crescimento da empresa, atualmente focada na elaboração de soluções para a substituição gradativa de minério de ferro granulado por aglomerados de minério concentrado, para atendimento ao setor siderúrgico nacional”, explica o diretor, Kássio Fonseca.  

Novas operações

A empresa ainda aproveitou para divulgar seus planos para o próximo ano. “A partir de 2020, a Minerita colocará em prática uma operação para seu sistema de filtragem de rejeitos e empilhamento à seco. A ação vem para possibilitar a produção do minério de ferro, sem a necessidade de utilizar barragens de rejeitos”. 

Com o novo processo, a empresa ganha no setor técnico, sustentável e social. Isso porque, embora a barragem de rejeitos continue sendo a mais utilizada por empresas de mineração, o empilhamento do rejeito à seco, através de tecnologias empregadas, como o filtro prensa, possibilita o reaproveitamento de até 95% da água demandada.

Além disso, o sistema inovador vem se provando cada vez mais eficaz aos empreendimentos, principalmente no âmbito da extração de minério de ferro.

Os rejeitos ocasionados da extração passam a ser filtrados e a água é reutilizada no processo da compactação. Assim sendo, os resíduos são empilhados e dispensa-se o uso das barragens, evitando potenciais catástrofes ao meio ambiente. É mais segurança e eficiência para a mineração.

“O trabalho do minerador, iniciado na década de 60 com o Sr. Cordovil Fonseca e hoje liderado pelo Sr. Dilson Fonseca, segue com foco, dedicação e amor pelo empreendimento e por seus colaboradores”, finalizou kássio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui