Prefeitura faz parceria com INPAR e Parque SINDIMEI vai abrigar projeto de Equoterapia

0
409

A equoterapia é capaz de fazer milagres na recuperação de sequelas físicas e auxiliar no tratamento de doenças emocionais como depressão. Estudos comprovam que a prática de atividades com cavalos cura vários males e, particularmente a raça Mangalarga Marchador, apresenta características ideais para melhorar casos de enfermidades motoras, psicológicas ou mentais.

Esta semana, graças a uma parceria entre a Prefeitura e o Instituto Paraíso, foi confirmado que o projeto de Equoterapia do INPAR vai funcionar na cidade, no Parque Socioambiental Affonso Lima, no bairro Piedade. Há tempos, o local estava abandonado e os moradores da região sempre denunciam a sujeira e mato alto que representam riscos para a comunidade, além da invasão das dependências por usuários de drogas e moradores de rua. A reportagem do Jornal S’PASSO esteve no Parque e constatou a precariedade das instalações que estão muito danificadas, devido a depredação, pichação e roubo de materiais e até da placa que identificava o local.

O projeto de Equoterapia do INPAR, que é coordenado pela empresária, pecuarista e equitadora, Geralda Otone, mais conhecida como Neném, desenvolve práticas de interação social através do contato com cavalos e já vai funcionar a partir do final de maio ou início de junho.

De acordo com Neném, serão cinco animais, com grupos de cinco pessoas por dia. “Este projeto é um sonho que será realizado, não somente para mim, mas para toda população itaunense, pois temos cerca de 120 pessoas na fila para fazer equoterapia. A novidade é que em Itaúna vamos tratar, além dos autistas e crianças com dificuldades de aprendizagem, pessoas com depressão, que sofreram Acidente Vascular Cerebral, idosos do bairro Piedade e pessoas com necessidades especiais”, enfatiza. Ainda segundo Neném, a revitalização do espaço está em negociação com a prefeitura.

O Instituto

O Inpar – Instituto Paraíso é uma entidade de caráter social e sem fins lucrativos que atende pessoas carentes com necessidades especiais, visando contribuir para a reabilitação e bem-estar.

No Inpar são atendidas crianças e adultos com os mais diversos problemas, como paralisia cerebral, distrofia muscular, autismo, síndromes como Down, Asperger, esquizofrenia, lombalgia, hiperatividade, entre outros. Carinho e dedicação são as palavras ideais para definir o trabalho desenvolvido por Neném, que oferece o tratamento gratuito aos que necessitam.

Segundo Neném, através da equoterapia é possível aumentar a qualidade de vida dos deficientes, com melhorias na postura, equilíbrio e até do humor e este é um dos objetivos do trabalho que será feito na cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui