Habilitação: itaunenses têm que aguardar disponibilidade de horário em autoescolas

0
263

Os itaunenses que estavam em processo para se tornarem condutores foram pegos de surpresa pela pandemia da Covid-19. Os órgãos que respondem ao Departamento de Trânsito de Minas Gerais, entre eles os Centros de Formação de Condutores, tiveram as atividades suspensas por dois meses. A retomada está sendo gradual e seguindo parâmetros de segurança sanitária. De acordo com informações do secretário-geral da Comissão Examinadora Permanente da Delegacia Regional de Divinópolis, José Maria Patrício, foi realizado um levantamento junto aos Centros de Formação de Condutores das cinco cidades atendidas pela comissão (Divinópolis, Cláudio, Carmo do Cajuru, Itaúna e Itatiaiuçu) para monitoramento da demanda. Atualmente, cerca de 190 pessoas aguardam para fazer o exame prático de direção e outros três aguardam pela reciclagem. Para atender esses alunos, foram disponibilizados dez horários com 23 vagas cada, totalizando 230 vagas distribuídas nos dias 19 e 20 de junho. Para aqueles preocupados com o vencimento da pauta, o artigo 2º da Resolução 185, de 19 de março de 2020, ampliou para 18 meses o prazo de atividade do processo de habilitação, buscando evitar prejuízo aos candidatos.

Por meio da portaria 1.302 de 18 de maio, o Detran-MG estabeleceu diretrizes para o trabalho das autoescolas. Entre elas estão que: o atendimento simultâneo seja limitado a, no máximo, um cliente a cada quatro metros quadrados de área livre na recepção, garantindo-se uma distância mínima de dois metros; na sala de aula, seja respeitado o limite de um aluno a cada quatro metros quadrados, considerando-se um espaço de dois metros de distância entre uma cadeira e outra; a entrada de clientes no estabelecimento e nas salas só poderá ocorrer com a utilização de máscaras; as aulas práticas sejam feitas com os vidros do veículo abertos, sendo proibido o uso de ar condicionado; nas aulas práticas em motocicletas, fica proibida a utilização de capacete de forma compartilhada; deverá ocorrer a higienização constante de ambientes e veículos; será limitado o número de funcionários ao estritamente necessário para o funcionamento do serviço.

Em contato com um dos centros de formação de condutores de Itaúna, único responsável pelas aulas de legislação, foi esclarecido que a empresa optou por trabalhar com horários agendados. As aulas têm ocorrido em três salas, duas delas com capacidade para dez alunos e outra com sete, isso mantendo o distanciamento estabelecido pelas portarias do Detran e do município. Cada aluno deve procurar a autoescola para verificar os horários disponíveis. Os exames são aplicados conforme data disponibilizada pelo Detran. Na última realização, foram definidos dois horários para evitar aglomeração de pessoas. As provas teóricas estão sendo aplicadas no imóvel da Associação dos Aposentados e o exame de direção é realizado na região do bairro Nogueirinha. As aulas já funcionavam por meio de marcação de horário, uma vez que são individuais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui