Pré-candidatos a prefeito falam ao Jornal S’Passo o que têm para oferecer a Itaúna

0
669

As convenções partidárias ainda não definiram os candidatos às eleições majoritárias e proporcionais em Itaúna, mas diversos nomes de pré-candidatos a prefeito e a vereador já se insinuam pelas redes sociais com muitas caras, falas e bocas. Esses postulantes prometem sustentar seus nomes nas agremiações partidárias e alguns estarão nas listas oficiais de candidatos. A enorme quantidade de nomes que pleiteiam o cargo de prefeito não seguirá adiante já que alguns não passam de balão de ensaio, para usar um jargão próprio o período pré-eleitoral. Hoje candidatos, esses, talvez, estarão compondo os quadros do governo e do legislativo nos próximos anos.

O Jornal S’Passo irá, a partir dessa edição, ouvir os candidatos à Prefeitura de Itaúna. A pergunta é uma só para todos: O que você tem para oferecer como candidato (a) a prefeito (a)?

Alessandra Nogueira (PRTB)

“Sempre atuei na área da Educação, tive oportunidades no âmbito federal, estadual, municipal e privado. Até então, jamais havia sido filiada a qualquer partido político, entretanto, como muitas pessoas me pedem para representá-las nas eleições, resolvi fazer este enfrentamento em prol da população de Itaúna. Diante disso, coloco o meu nome à disposição dos cidadãos itaunenses, das pessoas que me conhecem e que de alguma forma acompanham a minha caminhada para que, se for da vontade de Deus, eu possa contribuir com a cidade de Itaúna, colocando em primeiro lugar a educação, honestidade, transparência e perseverança. Creio que juntos podemos transformar o modo de fazer política em nossa cidade”.



Alessandra Nogueira Santos Araújo, 38 anos, nascida e criada em Itaúna, no Bairro Piedade. Casada, mãe de três filhos, fez sua graduação na Universidade de Formiga, mestrado em Engenharia de Materiais na Universidade Federal de Itajubá e Doutorado em Engenharia de Materiais, na UFMG. Foi secretária de Educação na atual administração.

Delegado Jorge (Solidariedade)

“1) honestidade com todos; 2) Trabalho inteligente; 3) Transparência nas ações de governo e nas prestações de contas; 4) Reorganização da Administração; 5) estudos para corte de cargos comissionados e contratos; 6) reaproximação da prefeitura com a Universidade de Itaúna para possibilitar Convênios e diversas parcerias com benefícios recíprocos: povo/estudantes; 7) direito das pessoas a ter audiência pessoal com o Prefeito com um critério justo de agendamento diário: prioridade para casos em que a vida esteja em perigo, etc.; 8) trabalhadores (as) no desemprego, com salários rebaixados… Servidores com salários congelados. Não há motivo justo para elevação de preços de passagens de ônibus, impostos, etc. que serão também congelados; 9) liderar o povo para que Itaúna seja Cidade Protetora da Família; 10) NÃO pegaremos atas emprestadas para nada. Licitações, contratos, serviços terão rigoroso controle; 11) tanto quanto possível não haverá locação de veículos e nunca o uso indevido deles. Propostas específicas na saúde, educação, segurança etc. estarão no plano de governo”.

Jorge Antônio Pereira de Mello é natural de Juiz de Fora. Tem 59 anos e trabalhou na Polícia Civil. Foi professor universitário e é vereador em Juatuba por dois mandatos.

Márcia do Hospital Dr. Ovídio (Patriota)

“Trabalho, dedicação exclusiva e empatia com toda a população. Tenho um plano de governo real e que só precisa de boa vontade para colocar em prática. Uma gestão transparente e dentro da máxima legalidade, com redução responsável de cargos comissionados e de altos salários. Prefeitura não é empresa familiar e de amigos. O que não me falta é coragem e força de vontade. Para assumir o cargo de prefeito tem que gostar de povo, estar perto das pessoas de todas as camadas sociais, para ouvir de perto os anseios sociais. Por essas ideias que coloquei meu nome como pré-candidata para os itaunenses”.


Márcia Cristina Silva Santos, é natural de Itaúna, filha de Geraldo Tadeu e Maria custódia ambos de São José de Pedras, um lavrador e uma dona de casa. Casada, mãe de dois filhos. Em 2014 assumiu a coordenação da Policlínica Doutor Ovídio e em 2016 foi eleita vereadora.

Marcinho Hakuna (PSL)

“O que eu tenho a oferecer são a minha experiência, a minha vontade, o meu compromisso com Itaúna. Atuo na política atua há mais de 20 anos. Angariei experiência atuando no Executivo Municipal e no Legislativo Estadual antes de ser eleito vereador em 2012. Fui Vice-Presidente da Associação Mineira de Câmaras (AMICAM) e Coordenador da Frente dos Vereadores Metropolitanos (FREVEM). Em 2016, fui reeleito Vereador e assumi a presidência da Câmara no biênio 2017/2018. Minha gestão foi marcada pela gestão eficiente, acessibilidade e diálogo. Fui autor de proposições e emendas voltadas para melhorias de serviços na comunidade, por exemplo: IPTU Ecológico, Fim do Voto secreto no Legislativo, Medidas de Conservação e Utilização da Água da Rede Pública dentre outros. Em 2018 fui candidato a Deputado Federal obtendo a expressiva marca de 20.626 votos, sendo hoje suplente no cargo. Desde o ano passado frequentemente meu nome está na lista dos mais lembrados para concorrer ao cargo de Prefeito de Itaúna”.



Márcio Gonçalves Pinto, 48 anos, é empresário e músico. Casado há 25 anos, é pai de três filhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui