Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

0
387

A última semana do mês de agosto é marcada por um tema muito especial, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, celebrada entre os dias 21 e 28. O objetivo do evento é promover um intenso debate de inclusão social e combate ao preconceito e discriminação das pessoas com deficiência. Neste ano, o tema é “Protagonismo empodera e concretiza a inclusão social”.

De acordo com dados da ONU, 80% das pessoas com alguma deficiência residem em países em desenvolvimento. Essa deficiência aumenta o custo de vida em cerca de um terço da renda, em média. De acordo com o último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o Brasil possui 45 milhões de Pessoas com Deficiência, o que representa 24% da população brasileira.

Uma importante instituição nessa discussão é a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). Em Itaúna, a entidade, que atende aproximadamente 400 pessoas com deficiência, preparou um cronograma especial para chamar atenção da comunidade e incluir todos no debate e formação de um mundo melhor para essas pessoas. As palestras, rodas de conversa e demais eventos podem ser acompanhados pelo canal da APAE Itaúna e também pela página no Facebook APAE Brasil.

A superintendente da APAE na cidade, Geórgia Duarte, contou à reportagem do S’Passo que a semana é comemorada desde 1964. O propósito é chamar a atenção da sociedade e do poder público em prol da inclusão das pessoas com deficiência, para a diminuição das desvantagens, para o combate à discriminação e para o reconhecimento das potencialidades das pessoas com deficiência. ”Infelizmente ainda existe muito preconceito. Um desconhecimento a respeito da questão da deficiência que faz com as pessoas tenham uma visão distorcida da realidade. Ser diferente é normal, cada ser humano é único. Precisamos quebrar barreiras atitudinais para que a inclusão aconteça de fato. Essa inclusão começa na família e, quando se tem aceitação, é possível investir nas potencialidades da pessoa com deficiência, o que determina que as chances de sucesso são maiores. Há anos a APAE tem investido nos trabalhos com famílias e a interação tem melhorado ano a ano”, relata.

A semana foi aberta na útima sexta-feira (21). A programação mudou um pouco, comparando aos anos anteriores. Noutros eventos, por exemplo, a entidade fazia uma passeata, mas neste serão realizadas duas lives e uma carreata, que aconteceram no sábado (22). Confira abaixo o cronograma de atividades:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui