Cultura e Centro da Juventude criam o “Memorial da Cidade”

0
108

Itaúna irá ganhar nos próximos dias o “Memorial da Cidade”, destinado a resgatar e preservar a memória do município, numa parceria da Gerência Superior de Cultura e Centro da Juventude. O anúncio foi feito pelo secretário de Desenvolvimento Social, Élvio Marques da Silva, que explicou que tem pesquisado em outras cidades e o centro de memória é projeto de grande alcance social. Assim, a ideia foi levada ao prefeito Neider Moreira que autorizou que as secretarias de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura e de Desenvolvimento Social dessem andamento ao projeto, através da Gerência de Cultura e do Centro da Juventude. Marques adiantou que o Memorial deverá funcionar num anexo do ginásio poliesportivo Alexandre Corradi, próximo ao Centro da Juventude, e já está recebendo objetos e documentos para acervo. O local será destinado à visitação de estudantes, professores, do público em geral e também para consulta e pesquisas.

A reportagem quis saber se o Memorial não esbarraria nas atividades e nas funções do Museu Municipal Francisco Manuel Franco, que foi reformado recentemente, mas que ainda não reabriu suas portas devido à pandemia da covid-19. Élvio explicou que o Memorial irá funcionar no centro esportivo e será “um braço” do Museu Chico Franco. “O Museu terá exposições itinerantes e o Memorial abrigará a memória permanente da cidade. De forma que o Memorial será uma extensão do Museu”, salientou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui