Estoques de sangue do Hospital Manoel Gonçalves estão em estado crítico

0
203
Retirada de sangue no Hemorio

O Hospital Manoel Gonçalves iniciou nesta semana mais uma mobilização em prol da doação de sangue. Atualmente os estoques de todos os grupos sanguíneos estão mais baixos, sendo grupos O+ e A+, que habitualmente apresentam maior demanda, os que estão em situação mais crítica. Esse cenário reflete o momento dos bancos de sangue de todo o estado.

Desde o início da pandemia, o número de doadores de sangue diminuiu. Como consequência, o tempo de espera para receber a transfusão de sangue aumentou, o que pode ser fatal para inúmeros brasileiros com complicações de saúde. Estatísticas médicas mostram que uma a cada cinco internações precisa de transfusão sanguínea. No Brasil, a cada dois segundos, pelo menos uma pessoa precisa realizar o procedimento.

“Com a falta de doações e redução do estoque, o hospital é obrigado a retardar cirurgias de urgência que necessitam de sangue e apenas realizar cirurgias de emergência. Mesmo assim, o risco de que o paciente tenha o quadro agravado ou a recuperação retardada pela falta de hemocomponentes essenciais ainda é alto”, informou o Hospital Manoel Gonçalves. O ponto de coleta de doações de sangue mais próximo é no Hemonúcleo de Divinópolis. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, de 7h às 11h. As doações devem ser agendadas virtualmente, através do aplicativo de celular MGapp ou no site mg.gov.br. Para os moradores de Itaúna que desejam realizar a doação de sangue, o Hospital Manoel Gonçalves, em parceria com o município, disponibiliza o transporte gratuito dos voluntários até Divinópolis, todas as sextas feiras às 7h.

Os interessados em doar podem agendar na agência transfusional de Itaúna. O telefone é (37) 3249-5329, com atendimento das 13h às 17h (segunda a sexta feira). Para saber as condições para doação acesse www.hemominas.mg.gov.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui