Oposição vence em Itatiaiuçu e elege Adélcio da Farmácia e Romer Soares

0
418

Vitória dos candidatos contrariou pesquisa publicada na véspera do pleito,
que dava vitória folgada para a candidata da situação, Renata Vilaça

Diferentemente do que noticiou o Jornal Folha do Povo e dos números de uma pesquisa eleitoral, o candidato a prefeito de Itatiaiuçu, Adélcio da Farmácia (PSC) foi eleito com 4.632 votos (60,18% do eleitorado). A concorrente de Adélcio, Renata Vilaça Pereira (MDB), tida como vitoriosa pela pesquisa Folha/Data/Dados, com 36,6%, foi derrotada e ficou com 2.614 votos (28,76%). O terceiro colocado foi Cafu (Anderson Ferreira da Silva, PSB), com 851votos, ou seja, 11,06%.

Adélcio Rosa de Morais será o novo prefeito de Itatiaiuçu a partir de janeiro de 2021. Ele é filho do ex-vereador Argentino Pereira de Morais, o conhecido Sinhô. Adélcio é técnico em contabilidade e atua no ramo de farmácia há 35 anos. Na política, foi vereador no mandato de 1997/2000, quando foi também presidente da Câmara. Era filiado ao PV e chegou a ser convidado para a secretaria de saúde no segundo governo Matarazzo José Silva. Disse que declinou da proposta por não se julgar à altura do cargo. Houve um tempo em que pensou em desistir da política e cuidar apenas dos negócios particulares, mas aceitou um convite da oposição depois de uma pesquisa que se mostrava favorável ao seu nome, em empate com o ex-prefeito Wagner Chaves – que desistiu posteriormente abrindo-lhe possibilidade de alcançar o pódio. Adélcio contou que os números de todas as pesquisas apontavam o crescimento de sua candidatura e uma provável vitória sobre os adversários a partir da desistência de Wagner.

Adélcio: “Itatiaiuçu é uma cidade rica mas seu povo é pobre”

Sobre as principais demandas da administração, o prefeito eleito contou que hoje Itatiaiuçu tem uma grande arrecadação de recursos financeiros, cuja renda per capta é de R$ 7 mil. “É uma cidade rica, mas o seu povo é pobre. Precisamos atender às demandas dos cidadãos, investir na questão do emprego e renda, do lazer, do entretenimento, da qualidade de vida, especialmente”, observou. Contou que irá trabalhar junto com o seu vice, o vereador Romer Soares da Chagas. “Ele será atuante, como sempre foi e como é hoje como vereador de Itatiaiuçu”, ressaltou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui