Comissão de Ética e suspeita de Covid-19

0
327

O já veterano edil Lacimar Cezário (PSD) contou aos colegas que não estava passando bem e que comparecera (apenas “por honra da firma”) porque era a primeira reunião e não poderia se ausentar no dia da estreia dos colegas. Anunciou que iria embora tão logo fosse escolhido seu gabinete para cumprir atestado de dez dias por conta da suspeita de infecção pelo coronavírus. O vereador, que no mandato passado fora acusado de promover o crime de rachadinha e que chegou a ser afastado do mandato por improbidade administrativa, irá compor a Comissão de Ética da Câmara. Lacimar compõe com outros dois colegas essa Comissão, da qual participou no mandato anterior outro vereador denunciado por corrupção: Alex Artur (PV), que não foi reeleito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui