Alexandre Campos processa Emanuel Ribeiro por danos morais

0
258

O vereador Alexandre Campos (DEM), presidente da Câmara de Itaúna está processando o cidadão Emanuel Barbosa Silva, sobrinho do ex-prefeito Osmando Pereira da Silva, e candidato derrotado à prefeitura de Itaúna nas eleições passadas. A ação cível refere-se a crimes de danos morais e prevê indenização de R$ 25.000,00. Campos se diz vítima de agressões verbais de Emanuel – que se apresenta como Emanuel Ribeiro  – desde os resultados das eleições de 15 de novembro de 2020, através de redes sociais, como Facebook e Instagram. Alexandre Campos foi reeleito vereador e, posteriormente, reconduzindo à direção da Câmara Municipal. Na ação contra judicial ele elenca uma série de informações extraídas de vídeos do réu em que o mesmo ofende a honra do vereador, acusando de crimes de corrupção e de ser conivente com outros delitos. Ribeiro afirma por diversas vezes que Campos seria o mentor de uma denúncia do Ministério Público denominada de “carona sinistra”, em que contratos publicitários da Câmara foram feitos de forma irregular beneficiando veículos de comunicação do município.

As postagens de Emanuel são classificadas pelo autor da ação como  linchamento moral, repletas de calúnias e difamação. Além da indenização, o dirigente do legislativo requer que, pelo conteúdo agressivo, Emanuel Ribeiro seja impedido de dar prosseguimento aos vídeos contendo informações que afetam sua dignidade e personalidade, também sob pena de multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui