Sindicomércio requer isenção de IPTU para lojas que ficaram fechadas durante a pandemia

0
212

Durante esta semana, o presidente do Sindicomércio Itaúna, Alexandre Maromba, acompanhado do diretor Alessandro Guerra e do assessor
jurídico Tiago Antunes, se reuniu com o prefeito Neider Moreira e vereadores para solicitar que lojistas que tiveram o alvará de funcionamento suspenso em razão da pandemia da Covid-19 sejam isentos do pagamento do IPTU 2021. A diretoria do sindicato ressaltou toda a dificuldade que os comerciantes vêm enfrentando e que, diante da situação de emergência vigente no município, em caráter excepcional, a isenção do imposto poderá contribuir para a preservação de empregos e da própria empresa. Maromba acredita que o pedido será atendido, pois a administração municipal tem reconhecido o esforço dos lojistas em preservar a empregabilidade dos funcionários. O presidente do Sindicomércio destacou também que a iniciativa tem o apoio da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG) e da Confederação Nacional do Comércio (CNC).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui